Clóvis Barbosa recebe Jackson Barreto para discutir a crise financeira do Estado


O governador Jackson Barreto esteve no Tribunal de Contas nesta quinta-feira (28), acompanhado da procuradora geral do Estado, Aparecida Gama, e do assessor Oliveira Júnior para conversar pessoalmente com o presidente Clóvis Barbosa sobre a crise financeira que passa o Estado.

De acordo com o o presidente do TCE, “a tendência é que o aperto financeiro seja maior nos meses de agosto e setembro”. No dia anterior, o secretário da Fazenda, Jeferson Passos, também teve reunião com presidente do TCE, detalhando a planilha de receitas e despesas do Estado.

“É bom dialogar, para a gente compreender melhor o que está se passando. Fui informado que a receita com os royalties não pode ser computada como receita corrente líquida porque o que entra é imediatamente pago ao Banco do Brasil, que no passado antecipou para o Estado esse repasse federal”, explicou Clóvis Barbosa.

Na sessão do Pleno do TCE desta quinta-feira, por sugestão do conselheiro Ulices Andrade, o presidente do TCE aceitou convidar o secretário Jeferson Passos para fazer uma exposição do problema para os membros dirigentes da Corte de Contas.

Clóvis Barbosa integra um grupo de discussão sobre as contas do Estado também formado pelo Tribunal de Justiça, Assembleia Legislativa, Ministério Público Estadual, Defensoria Pública, Associação dos Magistrados e Associação do Ministério Público. O grupo critica os atrasos no pagamento das remunerações dos servidores e aposentados do Estado e também do atraso no repasse do duodécimo pelo Executivo aos demais poderes e órgãos estaduais.

Anterior Câmara Empresarial de TI se reúne com representante do SergipeTec
Próximo CMN aumenta juros para renegociação de dívidas de produtores rurais

Não há comentário

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *