Em setembro, vendas de veículos em Sergipe cresceram 34,6%


As vendas de veículos novos, no mês de setembro, em Sergipe, totalizaram 1.377 unidades. O primeiro emplacamento do veículo é considerado como venda, por causa do prazo estabelecido em lei para isto. Ou seja, o prazo é de 15 (quinze) dias consecutivos após a data de saída do veículo da loja, localizada no estado. Em termos relativos, verificou-se alta de 34,6%, em relação a setembro de 2016. No entanto, em relação ao mês de agosto houve queda de 17,7%. As vendas realizadas nos nove primeiros meses do ano situaram-se 13,9% acima do verificado no mesmo período do ano passado. As vendas de automóveis e comerciais leves chegaram a 1.333 unidades, apresentando alta de 39,6%, quando comparado com setembro do ano passado. Todavia, em relação ao mês de agosto/2017, verificou-se queda de 17,5%. Entretanto, de janeiro a setembro, as vendas do segmento ficaram 15,1% acima das vendas registradas no mesmo intervalo de 2016. Entre os veículos pesados, o segmento de caminhões registrou venda de 36 unidades, ao passo que o segmento de ônibus comercializou oito unidades. As vendas e o licenciamento de ciclomotores, motocicletas e motonetas, a partir de 50 cilindradas, de acordo com a Lei 13.154/2015, somaram 1.034 unidades. O número de veículos novos, aqui referido, diz respeito a soma dos montantes de automóveis, comerciais leves, caminhões e ônibus licenciados, pela primeira vez, no período em análise.

HARD ROCK CAFÉ ABRIRÁ MAIS UMA UNIDADE NO BRASIL – Depois de inaugurar uma unidade em Curitiba, o Hard Rock Café chega a mais uma cidade do Brasil, também no Sul do País: Gramado, no Rio Grande do Sul. De acordo com o Jornal GaúchaZH, a novidade deve ser inaugurada em 2018, no feriado da Páscoa ou início do inverno. Ele seguirá o padrão dos demais Hard Rock Café: três pavimentos, com lojas souvenirs, pub e centro de convenções.  Estão por trás do projeto o empresário Fabiano Feltrin, que afirma ter investido R$ 10 milhões na abertura do Hard Rock. O investimento foi dividido entre os franqueadores: o grupo feltrin, do qual o empresário faz parte, e a família Michaelsen, de Gramado. Outras cidades brasileiras devem receber o Hard Rock Café em breve: Fortaleza, Recife,  Rio de Janeiro e São Paulo.

ALUNO DO SENAI CONQUISTA MEDALHA NA OLIMPÍADA BRASILEIRA DE GEOGRAFIA –  Analisar fatores geográficos que possibilitem o entendimento da disciplina como um todo, sem a divisão entre a geografia física (mapas, cartografia, etc) da humana (densidade demográfica, análise populacional, etc), formando uma mentalidade mais completa e voltada ao mundo mais atual e integrado. Esse é o objetivo primordial da III Olimpíada Brasileira de Geografia e I Olimpíada Brasileira de Ciências da Terra, que teve sua etapa nacional realizada no último final de semana, em Brasília. Três alunos do Senai Sergipe foram representar o estado após conquistarem o 1º lugar na etapa estadual da competição e, dentre esses, Bruno Amâncio Ferreira (primeiro da direita para a esquerda – foto), do curso técnico integrado em Logística conquistou a medalha de bronze disputando com estudantes de todo país.  O resultado é fruto do trabalho integrado da equipe pedagógica, professores e os próprios alunos. Desde a inscrição na etapa estadual, onde as escolas do Sistema Indústria ficaram com o 1º e 3 º lugares, até essa conquista do bronze na disputa nacional, muito trabalho foi realizado. Toda ação praticada no âmbito escolar tem como missão preparar o aluno para a competitividade no mercado de trabalho. Lembrando que o Curso Integrado ao Ensino Médio do SENAI é uma modalidade que consiste no aprendizado regular concomitante ao curso técnico, mas realizado no mesmo turno e com a duração de três anos, ou seja, o aluno estuda o mesmo tempo e sai com duas formações.

EM SERGIPE, PRODUÇÃO DE PETRÓLEO TEVE RETRAÇÃO E GÁS NATURAL REGISTROU CRESCIMENTO NO MÊS DE AGOSTO – A produção de petróleo no estado, em agosto de 2017, ficou em 710,7 mil barris equivalentes de petróleo (BEP), ficando 3,9% abaixo da produção do mês imediatamente anterior, julho último.  Já no comparativo anual (agosto/2016), a retração atingiu os 23,3% na produção. No acumulado do ano, janeiro a agosto, a produção ficou próxima dos 5,9 milhões de bep, com retração de 23,2%, quando comparado com o mesmo período de 2016. Do total produzido em agosto, aproximadamente 163,5 mil barris, ou 23%, foram extraídos do mar. Em termos relativos, observou-se retração de 10%, em comparação com o mês imediatamente anterior, já na comparação com o mesmo mês do ano passado, a retração chegou aos 35%. A produção em terra, por sua vez, respondeu por 77% da produção total, chegando aos 547,1 mil bep. No comparativo com o mês anterior (julho/2017), verificou-se retração de 2%. Quando comparado com o mesmo mês do ano passado, a retração foi muito superior, chegando aos 18,9%. A produção de gás natural, em agosto, ficou em aproximadamente 461,3 mil bep. Em termos relativos, houve crescimento de 2%, na comparação com a produção de julho. Entretanto, quando comparado com agosto de de 2016, houve retração de 14,4%. Nos oito primeiros meses do ano corrente, a produção ficou próxima dos 3,3 milhões de bep, com retração de 20,3%, quando comparado com o mesmo período de 2016. A produção em mar continuou sendo a principal fonte de produção, somando mais de 431,3 mil barris, abrangendo 93,5% do total produzido no estado. Em termos relativos, observou-se expansão de 0,8%, na comparação com o mês de julho. Já na comparação com agosto/2016, houve retração, chegando aos 15,3%. Ao passo que a produção terrestre ficou próxima dos 29,9 mil barris, respondendo por 6,5% da produção do estado. No comparativo com o mês anterior (julho/2017), verificou-se elevação de 24,4%. Quando comparado com o julho do ano passado, houve leve expansão de 0,3%.

ESTADOS NORDESTINOS TÊM CRESCIMENTO DE SALDO DE OPERAÇÕES DE CRÉDITO – O saldo das operações de crédito do Sistema Financeiro Nacional atingiu R$ 3,047 bilhões em agosto, com recuo de 2,2% no acumulado dos últimos 12 meses e uma queda de 1,9% de janeiro a agosto de 2017. Na contramão da retração, os estados nordestinos do Piauí (+6,2%), Ceará (+3,2%), Alagoas (+1,7%) e Paraíba (+1,6%) tiveram incremento nos respectivos saldos no intervalo de um ano. A análise é do Escritório Técnico de Estudos Econômicos do Nordeste (Etene), com base em dados do Banco Central (Bacen). O saldo das operações de crédito destinadas a pessoas físicas apresentou crescimento de 5,3% no Nordeste, de agosto de 2016 a agosto de 2017. Contribuíram para esse desempenho crédito direto ao consumidor, consignado, cartão de crédito e cheque especial, visando equacionar dívidas e equilibrar o orçamento familiar. Em relação a operações de crédito para pessoas jurídicas no  Nordeste,  onde  os  recursos  são  essencialmente direcionados para a produção (investimentos e capital de giro), houve recuo de 7,7% no saldo das operações financeiras. Nacionalmente, o saldo da carteira de pessoas físicas teve expansão de +4,6%. Se considerado o período de janeiro a agosto de 2017, a variação foi de +3,2%. A expansão ocorrida nesse segmento não foi suficiente para contrabalançar a queda na carteira de pessoas jurídicas, de -8,8% em 12 meses e -7,0% em 2017. O estudo completo está disponível no portal do Banco do Nordeste.

EM AGOSTO, ARRECADAÇÃO DO ICMS EM SERGIPE ULTRAPASSOU OS R$ 255 MILHÕES – A arrecadação do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS), em Sergipe, ultrapassou os R$ 255,1 milhões no mês de agosto. Em termos relativos, verificou-se alta real de 3,1% (considerando o efeito da inflação, medida pelo IPCA), quando comparado à arrecadação de agosto de 2016. No comparativo com o mês de julho, notou-se alta de 1,7%. Considerando o acumulado do ano (janeiro a agosto), a arrecadação do ICMS no estado passou de R$ 2 bilhões, registrando elevação de 3,9%, em termos reais, em comparação com o mesmo período de 2016. A arrecadação do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) – em agosto – ultrapassou os R$ 16,8 milhões. Nos oito primeiros meses do ano, a arrecadação com o imposto superou os R$ 154,9 milhões. Já o recolhimento do Imposto sobre Transmissão Causa Mortis e Doação (ITCD) foi de R$ 4,2 milhões, enquanto que as taxas (pagas em função da contraprestação de algum serviço público) reuniram R$ 37,5 mil aos cofres do Estado.

SENAC ABRE INSCRIÇÕES PARA A 2ª SEMANA DE RÁDIO E TV – Nesta segunda-feira (23), o Senac/SE abre as inscrições para a 2ª Semana de Rádio e TV. Com o tema “Os desafios do rádio na era digital”, o evento acontece de 08 a 10 de novembro e contará com uma programação de palestras, oficinas e premiação dos destaques do rádio sergipano. As inscrições devem ser feitas na Central de Atendimento do Senac, das 9h às 19h, até o dia 08/11, mediante doação de uma lata de leite em pó para cada atividade selecionada. A programação completa está no site www.se.senac.br.

CONSUMO DE ENERGIA ELÉTRICA EM SERGIPE RECUOU EM SETEMBRO – O consumo total de energia elétrica, no estado, chegou a 174,5 Gigawatts-hora (Gwh) no mês de setembro. Em termos relativos, o consumo total de energia elétrica foi 9,4% menor do que o consumido em setembro do ano passado. Em relação ao mês imediatamente anterior, agosto último, também houve queda de 5,6%. De janeiro a setembro, o consumo de energia elétrica no estado situou-se 2,2% abaixo do volume consumido no mesmo período de 2016. O consumo nas residências da área atendida pela Energisa chegou a 73,8 Gwh, assinalando queda de 9,4% em relação a setembro de 2016. No comparativo com agosto, houve retração de 6%. De janeiro a setembro do ano andante, o consumo recuou 0,3%. Na indústria, o consumo (incluindo mercado cativo e livre) totalizou 68,6 Gwh, assinalando retração de 1%, quando comparado ao consumo registrado em setembro/2016. Entretanto, quando comparado com agosto, verificou-se alta de 7,3% no consumo. Até setembro, o consumo industrial de energia elétrica recuou 6,6%. Para o comércio, o consumo no mercado cativo ficou em 36,6 Gwh, recuando 8,7% em relação ao setembro de 2016.  Quando comparado com o mês imediatamente anterior, a queda foi de 3,2%. Considerando o consumo em 2017, de janeiro a setembro, foi observada queda de 4,8%, em comparação com o mesmo intervalo de 2016. No campo foram consumidos 5 Gwh, sendo 43,4% menor que em setembro de 2016. Quando comparado com agosto/2017, notou-se baixa de 15,6%. Nos nove primeiros meses de 2017, o consumo de energia elétrica no campo situou-se 3,2% abaixo do mesmo período de 2016.

HUBINE SELECIONA STARTUPS PARA EXPERIÊNCIA DE COWORKING EM FORTALEZA – O Hub Inovação Nordeste (Hubine), centro de inovação do Banco do Nordeste, selecionará 10 startups para trabalharem em regime de coworking em um espaço criado no centro administrativo da empresa, no bairro Passaré, em Fortaleza (CE). O espaço oferecerá, além de estrutura para abrigar os empreendimentos, ambiente favorável ao compartilhamento de conhecimento técnico e experiências. A empresa pretende selecionar empreendedores com modelos de negócios que sejam aplicáveis na área de atuação do BNB, que compreende os estados nordestinos e também o norte de Minas Gerais e o norte do Espírito Santo. Os empreendedores devem apresentar potencial para contribuir com o desenvolvimento do ecossistema local de startups e estarem dispostos a compartilhar suas experiências em eventos ou palestras. “Com esta iniciativa, pretendemos colaborar com o aperfeiçoamento de propostas que possam dinamizar a economia regional através de um empreendedorismo inovador e contribuir para a transferência de conhecimentos e habilidades entre os empreendedores”, afirma o inovador-chefe do Banco do Nordeste, Eduardo Gaspar. As inscrições estão abertas até o dia 30 de outubro e podem ser feitas por meio do preenchimento de formulário de inscrição no site do Hubine (https://hubine.bnb.gov.br/coworking). Na página também estão disponíveis os critérios da seleção.

Anterior Brasil conquista 2º lugar no mundial de profissões técnicas, a WorldSkills
Próximo ITPS abre as portas para estimular interesse dos alunos em ciência e tecnologia

Não há comentário

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *