Empreendedorismo aquece vendas no dia dos avós


| CM News |
Em

Colo de avó é aquela maravilha!!!!! Quem pode se dar o luxo de ter avós não poupa mimos para quem tem muito o que ensinar, afinal… “Avó é mãe duas vezes”, assim é o que diz o ditado popular.  No Brasil, a data vem ganhando corpo e começa a aquecer o comércio. Uma lembrancinha aqui, outra ali e aos poucos as datas vem sendo lembradas pela economia brasileira, seja através das escolas que já fazem diversas atividades, seja através da mídia ou das redes sociais, hora ou outra você é lembrado que hoje, 26 de julho é o dia da avó.

Comercialmente, a data na prática, representa menos da metade do resultados obtidos com as vendas do Dia das Mães – que é considerada a segunda maior data do setor, ficando atrás apenas do Natal. Não por falta de carinho dos consumidores, que muitas vezes chega a ser mesmo o dobro com os avôs e avós, mas devido à falta de melhores estratégias de marketing, criatividade e porque não dizer empreendedorismo?

O site Caderno Mercado identificou uma empreendedora que trabalha há mais de 20 anos no setor alimentício, Thaty Braga começou sua história na adolescência para ajudar a família e foi com a avó que aprendeu as receitas. Este ano aliou os tradicionais biscoitinhos da vovó e  inovou para alavancar as vendas, ela garante que valeu a pena. Para Thaty a receita do sucesso de qualquer empreendimento é o trabalho dedicado.

“Desde os 16 anos comecei a aprender a fazer biscoitos com a minha avó. Antes fazia 4 tipos de receitas de biscoito, hoje faço 32 receitas. A cada ano sempre inovando no setor alimentício. Mas o grande desafio para quem quer empreender é a superação, a dedicação ao trabalho. Por exemplo, eu como trabalho com datas festivas procuro sempre me superar a cada comemoração. Porque o diferencial é o sabor e a criatividade”, reafirma Thaty Braga.

Biscoitinhos da vovó

Thaty Braga “superação e inovação”

A escolha para presentear os avós não deve ser fácil! Nem todos podem gastar valores altos em mimos. Mas os netos querem  sempre dar o melhor. Assim, aliando sabor e criatividade a empreendedora Thaty, juntamente com um primo, apostou na ideia de caixinhas com  biscoitinhos amanteigados daqueles da época da vovó. A receita deu certo, as redes sociais e o boca a boca foram as ferramentas de divulgação e as encomendas não pararam.

“Desde o ano passado, percebi que nas postagens indicávamos produtos, sugestões de comidinhas, mas aliado a isso, raramente víamos aqui na cidade uma lembrancinha simples e que agradasse ao público. A partir daí, um primo meu e eu fomos amadurecendo a ideia e ele apostou muito mais, deu certo. E até hoje no dia estamos trabalhando nessa lembrancinha. É um presente legal, porque dentro da embalagem tem aqueles biscoitos da infância aonde as avós faziam e davam aos seus netos, agora são os netos que de forma singela, bonita e que faz toda a memória vir à tona, que os netos presenteiam os avós. Mas na verdade todos da família se envolvem, porque avó e avô remete a doçura aos caprichos dos netos, aos carinhos sem a responsabilidade dos pais e das mães”.

 

 

Compartilhe :