Eurofarma está em busca de startups para soluções em saúde


Marcela Araujo | CM News |
Em

Eurofarma está em busca de startups para soluções em saúde
Imagem: Freepik

Em 2018, a farmacêutica brasileira Eurofarma lançou seu programa de aceleração para startups, o Synapsis. Três anos depois, esse setor não para de crescer e o Brasil já soma mais de 700 startups focadas em saúde. 

O foco do programa é trazer as startups para dentro da empresa e pavimentar uma via de acesso que facilite a inovação. As inscrições para a quarta edição do Synapsis estão abertas para empresas de qualquer segmento, não apenas da área de saúde. As inscrições vão até o dia 20 de agosto e o objetivo é solucionar oito desafios ligados a temas essenciais para a Eurofarma. 

Nas três edições anteriores a farmacêutica recebeu mais de 840 inscrições, analisou 145 empresas, selecionou 39 startups e realizou 24 projetos. Entre os selecionados que chegaram a executar pilotos, 60% assinaram contrato com a Eurofarma e muitas das empresas que tiveram suas soluções contratadas na primeira edição são fornecedores até hoje. 

A farmacêutica já investiu, em 2020, R$ 289 milhões em pesquisa e desenvolvimento. Este é um dos principais atrativos para as startups, além da possibilidade de fechar negócio com a primeira multinacional farmacêutica de capital aberto 100% brasileiro. 

Os desafios

Podem se inscrever no programa as startups que tenham boas soluções para os seguintes desafios:

  • Guia de programa sanitário para animais de produção – como ajudar os pecuaristas a utilizarem produtos veterinários de forma consciente
  • Integração de informações regulatórias – como ajudar a área de Assuntos Regulatórios a integrar as informações e torná-las de fácil acesso
  • Inovação para hospitais – como ajudar hospitais a melhorarem sua eficiência
  • Automação de documentos jurídicos – como ajudar a área Jurídica a produzir e analisar documentos de forma mais ágil e eficiente
  • NOC: Monitoramento de rede 24 x 7: como ajudar a área de Tecnologia da Informação a monitorar em tempo real os principais serviços e sistemas por meio de um centro de operações de redes
  • Mensuração e acompanhamento de aprendizagem: como ajudar o Instituto Eurofarma a mensurar a eficiência do trabalho realizado com os estudantes e a ampliar o impacto na sociedade
  • Sequenciamento de produção: como auxiliar a área de Operações a melhorar o planejamento das suas linhas de produção
  • Processo de acompanhamento de compras: como ajudar a área de Supply Chain a ter as informações atualizadas de maneira mais ágil, automatizada e com maior tempo de reação

Após o término das inscrições, em agosto, as primeiras selecionadas apresentarão suas soluções no pitch day com as equipes da Eurofarma e da Innoscience, empresa de consultoria de inovação corporativa. Quem passar por essa etapa fará um processo de imersão, com workshops, para verificar se estão aptas a desenvolver o piloto. As empresas aprovadas nesta última etapa irão desenvolver o piloto, que é remunerado, entre outubro e dezembro, quando a Eurofarma vai avaliar os projetos e decidir que soluções quer contratar.

As inscrições para o programa de aceleração da Eurofarma podem ser feitas através do link eurofarma.com.br/synapsis.

 

Leia também: Comércio apresenta crescimento pelo segundo mês consecutivo

Compartilhe :