PagueVeloz anuncia novos executivos nas áreas de Tecnologia, Comercial, Financeiro e Compliance

Profissionais chegam para fortalecer equipe da fintech, que até o fim de 2021 projeta aumento de 270% nos negócios e contratação de mais 100 pessoas

Sabrina Hoffmann | CM News |
Em

PagueVeloz anuncia novos executivos nas áreas de Tecnologia, Comercial, Financeiro e Compliance
Imagem: Divulgação

Com planos de expansão para todo o país, a fintech PagueVeloz, especializada na oferta de serviços financeiros customizados, segue contratando. Recentemente a companhia, que tem planos de crescimento de 270% nos negócios em 2021 e deve contratar mais 100 pessoas até dezembro, anunciou a entrada de novos executivos para diversas áreas do negócio.

Wendy Krepsky, que tem formação em Ciências da Computação e pós-graduação em Tecnologias para o Desenvolvimento de Aplicações Web assumiu o posto de Head de Tecnologia. O executivo tem passagem por grandes empresas de tecnologia, com experiência nas áreas de desenvolvimento de softwares e liderança de times deste setor.

Outra contratação recente é a do Gerente Financeiro Claudio Secco. Atuando na unidade da fintech em São Paulo, Secco passa a atuar na otimização dos processos de tesouraria e gestão dos processos do setor. O executivo acumula experiência na liderança de setores financeiros em empresas como Iugu, EloPar e BV Financeira.

Já a executiva Rachel Toledo, que já fazia parte do quadro de profissionais, foi promovida a Head Comercial Nacional. Ela assume o desafio de fortalecer a atuação das equipes nas regiões Sul e Sudeste, além de apoiar na expansão dos negócios para o Nordeste e o Centro Oeste.

Estruturação de novo departamento

Outro investimento em pessoas que a PagueVeloz realizou no último trimestre foi a contratação do Gerente de Compliance & Risco, Leonardo Luiz de Souza Grilli. O executivo, que tem passagens por companhias como KPMG e Banco Rendimento, apoia a fintech na estruturação e melhoria de processos de auditoria, mitigação de riscos, estruturação e aplicação de códigos de conduta em toda a empresa.

Paulo Gomes, CEO da PagueVeloz, destaca que as movimentações executivas são consequência de investimentos sólidos e bem estruturados da companhia. “Em 2020, mesmo diante da crise, crescemos 37% e seguimos com negócios consolidados. Estas aquisições na área de pessoas são fundamentais para manter o ritmo de crescimento com base em boas práticas, decisões assertivas e alinhadas com as necessidades de mercado”, diz.

Até o fim de 2021 a PagueVeloz pretende chegar a mais de 300 profissionais, que atuarão em modelo híbrido de trabalho em unidades em Blumenau (SC), na recém inaugurada estrutura de São Paulo (SP) e em cidades do Nordeste e do Centro Oeste do país.

 

Leia também: Sergipe acumulou mais demissões do que admissões em abril

Compartilhe :