UFS é a 5ª melhor Universidade do Nordeste

Desempenho no quesito ‘Influência das pesquisas’ contribui para posição da universidade

| CM News | Com informações da Ascom/UFS
Em

UFS é a 5ª melhor Universidade do Nordeste
Imagem: Adilson Andrade / Ascom UFS

A Universidade Federal de Sergipe está entre as 5 melhores instituições do Nordeste, segundo o Latin America University Rankings 2021. É o segundo ano consecutivo que a UFS ocupa a posição. O levantamento envolve apenas universidades latino-americanas e é organizado pela instituição britânica Times Higher Education (THE).

O ranking avalia vários indicadores de performance, distribuídos em cinco áreas, uma das quais foi preponderante no desempenho da UFS: as citações, que correspondem à influência da pesquisa. Nesse quesito, a universidade figura entre uma das melhores do país. Os indicadores dessa área, segundo o ranking, analisam “o papel das universidades na difusão de novos conhecimentos e ideias”, obtendo e calculando “o número médio de vezes que o trabalho publicado de uma universidade é citado por acadêmicos em todo o mundo”.

Segundo o pró-reitor de pesquisa e pós-graduação, Lucindo Quintans, a classificação da UFS premia os esforços da comunidade acadêmica, sobretudo no âmbito da pesquisa.

“O resultado da Times Higher Education só enaltece a participação que a UFS tem na produção científica brasileira. Ela tem um grande impacto científico, as citações das publicações são de longe um destaque na produção científica e qualificada da nossa instituição”, defende.

Lucindo lembra que a UFS já foi reconhecida em outras oportunidades por conta da importância de sua produção, como na conquista do quarto maior índice de impacto em pesquisas do país, obtendo ainda o topo da lista na área de Ciências da Saúde.

“Então esse resultado [do Latin America University Rankings] destaca ainda mais as pesquisas realizadas por nossos pesquisadores, por nossos alunos de mestrado e doutorado, iniciação científica, iniciação tecnológica, bem como é motivo de júbilo para toda a sociedade sergipana”, pontua.

“Esse é o resultado do esforço diário de todos que compõem a nossa comunidade acadêmica, sejam professores, técnicos ou alunos, então recebemos essa avaliação com bastante alegria. Somos destaque internacional em um ranking que avalia as ações da Universidade Federal de Sergipe, mostrando a importância e a relevância dos trabalhos realizados aqui na nossa instituição”, ressaltou o professor Valter Santana, reitor da UFS.

As cinco áreas que englobam os indicadores de performance avaliados pelo ranking são: citações (influência da pesquisa); ensino; produção científica; perspectiva internacional; e relações com o setor produtivo.

Ranking mundial

A Times Higher Education organiza também o World University Rankings, compreendendo instituições de todos os continentes, cuja edição de 2021 foi publicada em setembro do ano passado. Nesse ranking, a UFS apareceu como 7ª melhor universidade do Brasil. Os indicadores avaliados são os mesmos, mas os pesos atribuídos são diferentes. Segundo a organização, no Latin America University Rankings os pesos são “recalibrados para refletir as características das universidades da América Latina”.

Na classificação nacional do ranking latino-americano, a UFS aparece na 37ª posição, enquanto ocupa o 76º do continente. A classificação inclui 177 instituições em 13 países.

 

Leia também: Gerdau Transforma: capacitação para mulheres empreendedoras está com inscrições abertas

Compartilhe :